Pular para a barra de ferramentas

// Blog Oficial

Inspeções finalizadas e prólogo realizado: Vento Sul chega em 1º

Hoje, pela primeira vez, o Desafio deu ares de Solar: As nuvens carregadas finalmente deram uma trégua. O bom tempo abriu tanto em Paraty quanto no ânimo das equipes, com a finalização das inspeções técnicas, ao meio-dia.

Às 12h30, ocorreu uma reunião na Praia do Pontal com o comitê técnico do Desafio Solar e os pilotos das equipes para estabelecer o percurso que seria realizado no prólogo e definir detalhes sobre a largada dos barcos. Foi também o momento dos pilotos esclarecerem suas últimas dúvidas acerca da competição.

A largada do prólogo ocorreu às 14h20, um pequeno atraso de 20 minutos. Ainda assim, os barcos Arpoador, Costa do Sol, Gabriela, Carcará e o barco do ETEHL-Náutica não estavam preparados a tempo e perderam a largada.

O prólogo ocorreu sem maiores problemas, com todas as equipes que largaram na Praia do Pontal chegando ao seu destino, na Praça da Matriz, em segurança. Os maiores imprevistos foram a descoberta de um furo no casco do barco Costa do Sol devido a uma pequena falha no processo de laminação e alguns painéis queimados no barco da equipe Ipanema.

Em pouco menos de 1 hora o barco Vento Sul, da equipe Barco Solar UFSC, mesmo utilizando um motor reserva, completou o prólogo em 1º lugar. Segundo o piloto Paulo Lucas, “todas as equipes estão no páreo, tanto que as 4 primeiras chegaram em tempos muito próximos. Não houve nenhum grande favorecimento para nenhuma equipe, chegou bem quem conseguiu finalizar o barco”.

A Equipe Búzios, do Tecnaval, completou a prova num surpreendente 2º lugar. “Ninguém dava nada pela gente, nós não tínhamos tanta experiência, fomos aprendendo e fazendo na hora, construímos o barco em 10 dias, fomos o últimos a pegar o casco, mas estamos aqui, então realmente valeu a pena!”, diz Rafael Mainoth, um dos integrantes da equipe.

Abaixo, a ordem completa de chegada dos barcos no prólogo:

1. Vento Sul

2. Búzios

3. Água Viva

4. Cajaíba

5. Ipanema

6. Peixe Galo

7. Albatroz

As equipes que não chegaram a tempo da largada ainda assim foram para água com muito atraso e completaram o mesmo percurso. A comissão técnica irá definir questões relativas a penalizações.